Anti-inflamatórios para Suínos

Cuidar do bem-estar dos suínos deve ser uma das principais preocupações dentro de um rebanho produtivo, um cuidado que abrange especialmente técnicas adequadas de manejo e atenção à saúde dos animais. Nesse sentido, é essencial contar com uma farmácia veterinária que esteja devidamente abastecida com produtos desenvolvidos especificamente para o organismo dos porcos — entre os quais deve estar o anti-inflamatório para suínos.

As artrites, poliartrites e distúrbios do aparelho locomotor estão entre as principais alterações inflamatórias que afetam esses animais, assim como mastites e problemas associados ao período pós-operatório ou pós traumático. Essas são alterações que podem ser bastante prejudiciais para a qualidade de vida dos animais, uma vez que podem causar grande desconforto. Nesse sentido, o uso do anti-inflamatório para suínos se torna essencial para evitar lesões maiores.

Entenda o processo inflamatório

O processo inflamatório é uma resposta natural do organismo a algum tipo de lesão, como batida ou corte, mas também pode estar relacionada com alguma alteração do sistema imunológico. Embora seja resultante de um importante mecanismo de defesa do organismo, uma inflamação muito acentuada pode trazer grandes prejuízos à saúde e produtividade do animal — uma questão extremamente importante na criação de animais de corte.

Os principais sinais de inflamação em animais são o inchaço, aumento de temperatura do local afetado e em casos mais severos, a perda da função. Além disso, os suínos podem apresentar apatia, perda de peso, atraso no desenvolvimento e temperatura corporal elevada. Dependendo do agente causador da inflamação, é possível que ocorram efeitos secundários, como pneumonia e problemas cardíacos. Machos reprodutores podem, ainda, apresentar impotência.

Para evitar complicações e prejuízos, portanto, é fundamental estar sempre atento a possíveis alterações apresentadas pelos animais, administrando anti-inflamatórios para suínos sempre que um processo inflamatório for identificado pelo médico veterinário.

Artrite em suínos

A artrite demanda atenção especial por ser considerada uma alteração comum em suínos de todas as idades, ela pode estar associada tanto com traumas, tanto com infecções bacterianas. Quando a doença está associada à contaminação, muitas vezes a solução optada pelo produtor é o abate, o que pode ser muito prejudicial para o desempenho do rebanho.

A contaminação nesses casos, pode acontecer nos primeiros dias de vida do animal. Fatores como higienização inadequada, uso de instrumentos mal desinfetados e umidade excessiva podem favorecer a proliferação de bactérias, sendo essencial tomar cuidados adequados para reduzir as chances de infecção.

Entre os principais cuidados que devem ser adotados, estão:

  • Atenção à higiene e desinfecção dos locais onde os animais ficam;
  • Cuidado com a umidade dos ambientes;
  • O piso das áreas de maternidade não pode ser áspero e nem muito liso;
  • Estar atento ao conforto dos animais e à superlotação dos ambientes.

Qual a importância do anti-inflamatório para suínos?

A administração de anti-inflamatórios para suínos é essencial para garantir o conforto dos animais e a produtividade do rebanho, ajudando a aliviar os sintomas incômodos da inflamação e permitindo uma rápida recuperação do animal. Para escolher o medicamento mais adequado, entretanto, é necessário sempre levar em consideração as particularidades do organismo desses animais.

O uso de fármacos comercializados em farmácia humana geralmente não é recomendado para esses animais. Além disso, muitas substâncias indicadas para tratamento humano podem ser tóxicas para os porcos, a dose recomendada é muito diferente das aplicadas em pessoas.

Por isso, é necessário sempre utilizar medicamentos que foram desenvolvidos especialmente para respeitar as características do organismo suíno. É o caso dos produtos oferecidos pela Chemitec, que incluem uma linha específica para suínos, com anti-inflamatórios, antibióticos, diuréticos, endectocidas e desinfetantes para higienização dos ambientes em que eles vivem. Entenda mais sobre os anti-inflamatórios para suínos da Chemitec a seguir!

Produtos Chemitec: qualidade em saúde animal

A Chemitec é uma indústria farmacêutica veterinária que possui mais de 20 anos de experiência no mercado brasileiro e dedica-se a oferecer medicamentos e insumos de qualidade para animais de grande porte, além de pets. Os dois principais anti-inflamatórios para suínos disponibilizados pela empresa atualmente são o Déxium e o Fluxinin, ambos injetáveis.

O Déxium é um medicamento indicado para terapias de urgência, quando os animais precisam de uma ação rápida nos processos inflamatórios e alérgicos. Pode ser usado não apenas em suínos, mas também em equinos e bovinos, destacando-se como um fármaco seguro e eficiente para choques anafiláticos ou endotóxico, alergias agudas, doenças respiratórias e inflamações do aparelho locomotor — como artrite e bursite.

O Fluxinin, por sua vez, é um anti-inflamatório para suínos que também apresenta uma potente ação analgésica, antitérmica e anti-endotóxica. É indicado para o tratamento de distúrbios do aparelho locomotor com presença de dor e inflamação, além de mastites e dores pós-traumáticas ou pós-operatórias. A administração do medicamento deve ser feita por via endovenosa ou intramuscular profunda.

Para saber mais sobre os anti-inflamatórios para suínos desenvolvidos e disponibilizados pela Chemitec, entre em contato conosco por meio da internet ou procure um de nossos distribuidores. Aproveite para conhecer também toda a linha de fármacos específicos para suínos!

Fontes:

Suinocultura Industrial;

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária — Embrapa;

Produtos Veterinários — Chemitec.

Leia mais

Principais Produtos

Saiba Onde
Encontrar Nossos
Produtos

Saiba Mais